Como acreditar em si mesmo

Há alguns anos atrás, eu não acreditava em mim mesmo, e por muito tempo isto foi um fator decisivo em minha vida.

Eu não procurava a carreira ideal, ou começar o meu próprio negócio por que não acreditava que seria capaz. Eu não me libertava de hábitos por não acreditar que eu teria disciplina para isso. Eu tinha vergonha das mulheres, tinha dificuldade em fazer novos amigos, não me colocava bem no ambiente de trabalho. Eu não saia da minha zona de conforto.

Tudo isso por não acreditar que eu era capaz.

Hoje não sou uma pessoa livre de inseguranças, mas posso honestamente dizer que eu acredito em mim mesmo como nunca antes. Isto não significa que eu acredite que nunca vou falhar ou desistir: Eu vou. Provavelmente muitas vezes.

E não tem problema.

O segredo que aprendi é estar bem com o fato de tentar e fracassar, de enfrentar mundo e não ser perfeito, de dizer bom dia para uma pessoa e ela não me amar instantaneamente, de criar algo e ter pessoas me julgando.

Fracasso, imperfeição, erros, não ter pessoas concordando comigo, não ser completamente aceito: todas estas negatividades. Elas são positivas.

Como o fracasso pode ser positivo? É a única maneira em que realmente aprendemos. Por exemplo: você pode ler um livro de matemática, mas até você tentar e falhar, você nunca verá qual parte você não compreendeu bem. A melhor maneira de aprender algo é estudar um pouco, depois tentar um pouco, realizar testes práticos, cometer erros, e depois aprender um pouco mais.

Como erros podem ser positivos? Eles são pequenos feedbacks necessários para o crescimento e aprendizado.

Como ser rejeitado pode ser positivo? Isto significa que estou crescendo além do reino da aceitação social absoluta. As melhores pessoas na história não foram socialmente aceitas: Sócrates, Jesus, Gandhi, Proudhon e Bakunin, Martin Luther King Jr., ativistas pelos direitos das mulheres, abolicionistas, e tantos outros.

Estas coisas do qual temos medo são, na verdade, desejáveis. Nós precisamos aprender a conseguir ver estas coisas desta maneira, abraçá-las, deixar o medo de lado.

Nós podemos ficar bons nisso. É preciso muita prática, mas podemos deixar de lado as coisas que impedem o nosso crescimento.

Então pratique:

  • Saia da sua zona de conforto, aprenda a estar bem com um certo nível de desconforto.
  • Enfrente o mundo lá fora, e esteja bem com o fato de não saber se as pessoas vão aceitar você.
  • Siga um hábito, não ouça aquela voz negativa em sua cabeça que geralmente limita você. Aprenda a acreditar em si mesmo.
  • Siga ainda mais este hábito e acredite em si mesmo.
  • Se coloque em situações desconhecidas, e aprenda a estar numa boa com isso.
  • Aprenda com tentativas consecutivas que não há problema em falhar, que você pode falhar e estar bem com isso.
  • Aprenda com experiências consecutivas que você é mas forte do que imagina, que você é mais capaz e mais tolerante ao desconforto do que você imagina.

E com esta prática você vai encontrar a si mesmo, e se dar conta que você foi magnífico este tempo todo.

 

A foto que ilustra este texto é do autor Farhad Sadykov. Imagem original e informações sobre direitos de utilização aqui.

Publicações relacionadas:

Este momento é o suficiente Certa manhã eu estava contemplando um nascer do sol cor de rosa brilhante sobre montanhas azuis e roxas. Instintivamente, olhei para minha esposa para...
11 maneiras criativas de evitar tornar-se um worka... Workaholic é uma gíria em inglês que significa alguém viciado em trabalho; um trabalhador compulsivo e dependente do trabalho. As pessoas viciadas em ...
Deixe de ser o centro do mundo Ao longo do dia, contamos uma história para nós mesmos, sobre o que está acontecendo... E o no centro desta narrativa está uma única pessoa. Nós me...
A Melhor Meta é Meta Nenhuma "Com o passado, não tenho nada a fazer; nem com o futuro. Eu vivo agora." - Ralph Waldo Emerson. A ideia de ter o concreto, metas alcançáveis parec...

Comentários no Facebook